Publicidade

Uma portaria da Agência Espacial Brasileira autorizou empresas privadas, nacionais ou estrangeiras, a lançarem satélites, foguetes ou outras cargas a partir da base de Alcântara, no Maranhão. Os interessados em fazer lançamentos do solo brasileiro devem enviar documentação para análise.

Segundo o governo federal, a primeira fase de esforços para impulsionar a base de Alcântara ocorreu no ano passado, com o acordo de salvaguardas tecnológicas com os Estados Unidos. Em 2020, na segunda fase, ocorre a preparação de planos locais para discutir com a comunidade do entorno da base e empresas um plano de negócios para a região. Em 2021, está prevista a fase final, com lançamentos.

De acordo com o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, o Centro Espacial de Alcântara será um impulsionador de desenvolvimento para a região onde está instalado, com a participação da comunidade e empresas locais. 

Reportagem, Thiago Marcolini

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui