Publicidade

O Brasil registrou 1.022 novas mortes por covid-19 neste sábado (20), segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (Conas). O país está próximo de alcançar a triste marca de 50 mil óbitos (já são 49.976 no total). E os dados podem ser ainda maiores, já que há subnotificação de casos em todo o país.

Nas últimas 24 horas foram registradas 34.666 novas infecções. O país já havia ultrapassado a marca de um milhão de infectados na última sexta-feira( 19). Os expressivos números registrados neste sábado alarmam autoridades, já que os registros dos fins de semana, em geral, são mais baixos pela ausência de repasses de algumas secretarias de saúde. 

São Paulo, o estado com mais casos absolutos no país, tem hoje 215.793 infectados e contabiliza 12.494 mortes. Foram 262 mortes e 4.135 novos casos nas últimas 24 horas, em meio a uma reabertura gradual de shoppings e comércios de rua.

Na sequência está o Rio de Janeiro, com 95.537 confirmações da doença e 8.824 óbitos. No Ceará, terceiro da lista, os pacientes que pegaram a doença somam 92.156 e os casos fatais chegam a 5.518.

Publicidade

O Brasil segue como o segundo maior foco da doença no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, que tem mais de 2 milhões de infectados e 119.551 mortes. O país, inclusive, interrompeu os estudos sobre a eficácia do hidroxicloroquina no tratamento de covid-19. Segundo o Instituto Nacional de Saúde estadunidense, após os testes, o medicamento não proporcionou nenhum benefício aos pacientes.

O que é o novo coronavírus?

É uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos, os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratório do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a síndrome respiratória aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Como ajudar quem precisa?

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

Edição: José Eduardo Bernardes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui