Publicidade

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, anunciou nesta sexta-feira (26) que a capital mineira irá voltar à fase zero de abertura do comércio a partir da próxima segunda-feira (29) devido à pandemia do novo coronavírus. 

Kalil declarou que tomou a atitude após os técnicos da prefeitura constatarem um aumento no número de pessoas com covid-19 em Belo Horizonte.

“Ninguém avisou tanto que não era férias, que todos deveríamos nos manter em casa, o que não foi feito. Eu disse à minha equipe que nós temos uma linha de números, dados, leitos e certa ou errada ela será mantida. Quero dizer à população e repetir: não estamos de férias. Fiquem em casa, denunciem, chamem”, disse o prefeito em coletiva de imprensa nesta sexta-feira.

De acordo com o prefeito, caso a atitude não fosse tomada nesta sexta, o contágio poderia aumentar ainda mais e de forma muito rápida.

Publicidade

As atividades que haviam sido liberadas para funcionarem, durante as duas primeiras fases do processo de flexibilização, ficarão fechadas por tempo indeterminado.]

Aumento dos casos no país

A pandemia do novo coronavírus segue avançando no Brasil, sem registros que indiquem uma eventual estabilização nos números. Nesta quinta-feira (25) o Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (Conas) registrou 39.483 novos casos. O total de pessoas afetadas pela covid-19 desde que o vírus foi identificado no Brasil pela primeira vez é de 1.228.114.

O número de brasileiros que morreram por causa da covid chegou a quase 55 mil nesta quinta-feira. Mais uma vez foram mais de mil óbitos em 24 horas. O país é o segundo em número de casos fatais e registros de infectados, atrás apenas dos Estados Unidos.

Instituições do mundo todo alertam para as chances altas de subnotificação, já admitidas até mesmo pelo Ministério da Saúde. Nesta quarta-feira (24), o Imperial College de Londres informou que, baseado nos registros de mortes, o número de pessoas que pegaram a covid no país pode ser superior a 3 milhões. 

Entre os estados que mais têm casos e mortes, São Paulo aparece em primeiro lugar (248.587 casos e 13.759 mortes). Na sequência estão o Rio de Janeiro (105.897 casos e 9.450 mortes) e o Ceará (102.126 casos e 5.8875 mortes).

O que é coronavírus?

É uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos, os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratório do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a síndrome respiratória aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Como ajudar quem precisa?

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

Fonte: BdF Minas Gerais

Edição: Leandro Melito e Raíssa Lopes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui