Publicidade

As equipes da Guarda Municipal (GM) e do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (Demlurb) de descontaminação de ambientes estiveram empenhadas no Colégio Tiradentes na terça-feira, 28. A missão foi efetuar sanitização e aplicação de solução à base de quaternário de amônio em todas as dependências da unidade de ensino, inclusive nas áreas externas, quadras e acessos.

Foram gastos 47 litros de hipoclorito de sódio, diluídos em 141 litros de água, a fim de deixar o estabelecimento em condições seguras para recepcionar os alunos quando as aulas retornarem. O processo de descontaminação é reforço na prevenção contra eventual ocorrência da covid-19, reduzindo a carga biológica por meio de profilaxia química.

Todo o trabalho atende os protocolos de segurança para os profissionais em ação. Macacões, capas, luvas e máscaras são equipamentos de proteção individual obrigatórios. Além do manuseio cuidadoso durante a ação, as equipes mantêm condutas metódicas quanto à própria descontaminação de vestuário e instrumentais, após a atividade.

Os servidores da GM e do Demlurb foram treinados por profissionais do Exército, para realização da atividade de apoio ao enfrentamento da pandemia de coronavírus. Desde a capacitação, em abril, o trabalho de descontaminação vem sendo realizado pelas equipes, na busca de contribuir para o controle da disseminação do coronavírus na cidade. A ação é executada sob condição de fornecimento de insumos à sua realização e agendamento junto ao comando da Guarda.

Publicidade

Na operação são utilizadas bombas manuais e motorizadas. A primeira borrifa mistura de hipoclorito e água, e a segunda, quaternário de amônio e água. A bomba atomizadora mecânica transforma o líquido em névoa capaz de intensificar a ação do produto, reconhecido por sua eficácia em áreas hospitalares.

Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui